Um bom texto é a porta de entrada para novos patamares na sua carreira.

Essa é uma grande verdade. E é também uma unanimidade. O que não é unanimidade é definição do que é um bom texto.

Agora, por “bom texto”, não quero dizer apenas que é um texto bem escrito. É um texto adequado, à sua equipe, à linguagem da sua empresa e, principalmente, ao cliente (ou para quem quer que o receba). Um bom texto é um texto boomerang: vai escrito de maneira adequada e volta com resultados.

Pode parecer exagero, mas escrever textos impecáveis é um termômetro que o mercado utiliza para medir o conhecimento, o comprometimento e o profissionalismo de um profissional, além da credibilidade de uma empresa. Afinal, qualquer comunicador experiente sabe que no trabalho não basta apenas escrever corretamente seus relatórios, mas também ter uma postura argumentativa e irrepreensível em suas interações escritas.

Redação Empresarial é, principalmente, uma forma de se portar e de vivenciar o ambiente corporativo de forma a transmitir uma imagem de comando e de liderança que valorize o profissional. E isso inclui até os textos mais banais. Pense que com cada texto, você constrói ou destrói sua imagem.

Isso não pode ser esquecido em momento algum, já que o discurso está presente em todos os momentos nos quais nos comunicamos. Esta questão vale também para um e-mail supostamente informal, já que qualquer interação pode afetar a imagem que colegas de trabalho e superiores podem ter de quem não se comunica adequadamente.

Pensando nisso, listo dez dicas práticas para aplicação em textos, de modo a tornar seus autores referências em escrita. São elas:

1. Planeje com cuidado
Antes de começar a escrever, pergunte-se: o que exatamente eu quero com esse texto? Na Redação Empresarial, a comunicação deve sempre ser significativa e cheia de propósito. Então, é sempre bom ter bem claro em mente o que se quer dizer.

2. Setorize o texto
Depois de estabelecer exatamente o objetivo, divida o texto em três grandes blocos: começo, meio e fim. Como nas aulas de redação. Pode parecer um ato simples, mas apenas o fato de parar um minuto para estruturar um e-mail ajuda, e muito, a construção de uma coerência e aumenta a eficiência da mensagem, que tem tudo a ver com o objetivo da Redação Empresarial.

3. Elabore frases curtas e claras
Seja simples e direto. Se é possível falar algo em quatro palavras, por que usar 11? Frases mais curtas conferem mais energia e mais clareza às ideias , sem contar que abre menos espaços para erros.

Complementando essa dica, ao reler o texto, busque palavras que acha desnecessárias em uma segunda leitura. Acredite, elas sempre estão lá. Afinal, a revisão é uma das bases da Redação Empresarial.

4. Use vírgulas
Verifique se as sentenças têm pausas para que o destinatário possa respirar e entender a sua mensagem, mas fica uma dica de ouro: não se usa vírgula antes de “e” ou “nem”.

5. Separe ideias por parágrafos
Desenvolva em cada parágrafo uma ideia apenas, preferencialmente. Parágrafos, não tópicos. Então, lembre-se dos conectores: logo, além disso, então, portanto, apesar de, certamente e na verdade, entre outros. A Redação Empresarial é eficiente para criar um texto fluido e coeso, não engessado e de difícil compreensão.

6. Elimine maneirismos
Maneirismos são aquelas palavras que aparecem em e-mails, textos, relatórios, mensagens, sempre que achamos que ninguém está olhando. Todos temos. Então, hora de fazer uma autocrítica e eliminá-los sem dó.

Inclua aqui também coloquialismos. Nada acaba mais com a credibilidade do seu texto que terminá-lo com um “valeu” ou “tá ligado?”.

7. Fuja do uso excessivo do “inglês corporativo”
Uma das bases da Redação Empresarial é que o texto precisa ser de fácil acesso e agradável, coisas que dificilmente serão proporcionadas se usar termos técnicos de uma determinada área (e que nem todos entenderão, certamente). O melhor é evitar excessos, assim como deve ser feito com know-howexpertiseperformanceempowermentapproachskillsasap e outros. Mas, vale ressaltar que, se a empresa na qual se trabalha é uma multinacional, ou de origem estadunidense (ou canadense, inglesa, australiana etc.), usá-los pode ser parte da regra da empresa. Atente-se.

8. Pesquise
Para saber a diferença entre ratificar e retificar, seção e sessão, em vez de e ao invés de, uma pesquisa ainda é uma boa amiga para você (até porque, pode ser feita de maneira rápida na internet). Nada prejudica mais a Redação Empresarial que um erro de ortografia. Atenção redobrada à grafia correta.

9. Enumere itens
Listas de itens numerados são mais fáceis de ler, diminuem o total de texto e ainda facilitam que alguém faça referências a determinados itens, seja num e-mail, texto longo ou relatório. Facilitar aqui é a palavra-chave.

10. Leia o texto em voz alta
Essa é uma regra de ouro da Redação Empresarial e que certamente será muito útil. A leitura em voz alta é uma leitura mais cuidadosa e atenta. É a oportunidade perfeita para perceber se há palavras sem muito sentido, palavras que faltaram ou que se repetem muito, expressões que não ficaram bem no texto e frases truncadas.

Como se pode notar, Redação Empresarial é muito mais do que técnicas de escrever e-mails e relatórios; trata-se de um verdadeiro guia de como viver no ambiente de trabalho e ser reconhecido pelos esforços empregados.

A missão da Redação Empresarial é ensinar o empresário a ter uma comunicação mais efetiva, com os melhores resultados, seja no papel, na fala e em todos os aspectos da vida empresarial.
Laila Vanetti é empresária e mestre em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), especialista em retórica e mentora em escrita persuasiva, liderança e argumentação. É criadora de dois métodos originais de persuasão e influência por meio da Comunicação: o “Método dos 3SIMs”, técnica de persuasão voltada às relações comerciais, e “Influenciosfera”, sobre como influenciar positivamente as pessoas por meio do texto e de técnicas adequadas de redação empresarial. Fundou e dirige, desde 2001, a Scritta Cursos e Consultoria, empresa líder na realização de cursos, palestras, treinamentos, workshops e consultoria em comunicação empresarial, redação empresarial e linguagem oral e escrita para empresas e profissionais. Para mais informações sobre Laila Vanetti, acesse www.lailavanetti.com.br.

 

INFORMAÇÕES À IMPRENSA:
Laila Vanetti – Linguista, empresária e mentora em escrita persuasiva, liderança e argumentação
ELEVEN PRESS Assessoria
Ricardo Mituti – ricardomituti@elevenpress.com.br

Previous post

III Jornada do Patrimônio: Shopping Pátio Higienópolis abre o casarão Nhonhô Magalhães para visitação

Next post

Banco do Estado de Sergipe busca inovação na tecnologia israelense

Eleven Press

Eleven Press

Núcleo de assessoria de imprensa do Grupo Intelligenza de comunicação