Crescimento de alunos estrangeiros no Brasil transforma escolas multiculturais em prioridade

Alunos brasileiros convivem com estrangeiros e transitam facilmente na comunicação em dois ou mais idiomas

Em um mundo no qual a habilidade em línguas estrangeiras é um diferencial competitivo, cada vez mais famílias buscam escolas multiculturais para seus filhos. Para a criança estrangeira, o idioma pode ser o primeiro dos desafios de adaptação ao ensino bilíngue. Para a criança brasileira, lidar com a variedade de nacionalidade dentro da escola significa a oportunidade de aprender e auxiliar o colega, para que ambos construam seu conhecimento, sua linguagem e sua comunicação.

No Colégio Humboldt – instituição bilíngue e multicultural (português/alemão), localizada em Interlagos (SP) –, cerca de 80% dos alunos matriculados não são alemães. Dos por volta de 1.100 alunos que cursam o ano letivo, a maior parte é de brasileiros e 20% são de outras 30 nacionalidades – incluindo alemães com mais uma cidadania, e outras como uruguaia, espanhola, mexicana, americana e argentina. Também fazem parte do corpo discente cidadãos da Argentina, Chile, China, Colômbia, Espanha, Hungria, México, Peru, Polônia e Suíça, além de brasileiros com dupla cidadania de países além da Alemanha.

Esse levantamento do Colégio revela uma das preocupações dos pais que, atualmente, desejam dar oportunidade para os filhos aprenderem idiomas e terem contato com outras culturas – no Humboldt, eles podem se formar fluentes em português, alemão e inglês e intermediário em espanhol. Além disso, o Colégio também oferece experiência internacional por meio de intercâmbios para a Alemanha.

Há duas matrizes curriculares no Colégio: em uma, a maior parte do conteúdo é em alemão – a maioria dos alunos são filhos de pais alemães expatriados, residentes no Brasil por um tempo determinado. Na outra, é o contrário, a maior parte dos componentes curriculares é em português. Os alunos podem migrar de uma matriz para a outra, dependendo do nível de proficiência.

O Colégio também conta com o ensino bilíngue por meio do projeto BiLi, em que a aprendizagem ocorre concomitantemente nos dois idiomas até o 4º ano do Ensino Fundamental. Nas salas de aula, há uma professora que é responsável pelo ensino do alemão e outra para o português. “A ideia é que os alunos entrem em contato com a língua e aprendam o alemão desde cedo. A expectativa é que elas internalizem e compreendam o vocabulário trabalhado”, afirma Mariane Bischof, coordenadora da Educação Infantil do Colégio Humboldt.

 

O objetivo é ter cada vez mais alunos habilitados na língua alemã e prontos para o Abitur, curso oferecido pela instituição e que é a porta de entrada para as melhores universidades no exterior e algumas do Brasil.

Previous post

Páscoa no Hotel Paradies tem pacotes especiais para a família

Next post

Quer fazer negócios pelas redes sociais? Use e abuse do Instagram  

Communica Brasil

Communica Brasil

Fundada com o objetivo de oferecer ao mercado uma empresa criativa, eficiente e inovadora de comunicação integrada e de relações públicas, atende a clientes das mais diversificadas áreas de atuação por meio de projetos concebidos sob medida e executados com determinação a fim de conquistar resultados diretos para o negócio do cliente. Para algumas empresas, somos uma extensão do departamento de marketing e, para outras, executamos projetos pontuais. Não importa o serviço necessário, contamos com uma equipe competente, de variados segmentos da comunicação, para oferecemos soluções completas e com um alto nível de desempenho em nosso campo de atuação, sempre comprometidos com a qualidade, eficiência e resultados.