Segundo especialistas, a busca por desaceleração, flexibilidade de rotina e sustentabilidade devem se aprofundar de forma irreversível nos próximos 10 anos

A percepção de velocidade intensa na passagem do tempo é tema de umas das matérias de destaque da edição de março da revista Casa Vogue.  A publicação expõe as principais mudanças de comportamento previstas para os próximos dez anos, levando em conta que, para conseguir levar os dias em ritmo mais leve, agora é o momento de nos voltarmos ao que realmente importa: conexões humanas, boa alimentação e espiritualidade.

A matéria traz depoimentos exclusivos de experts das principais empresas de pesquisa do planeta, que falam sobre comportamento e consumo, design, aproveitamentos dos alimentos e água, além da conservação da biodiversidade. É tempo de partilhar. Quem diz isso é Andrea Bisker, head da Stykus no Brasil. “Teremos cada vez mais um movimento de compartilhamento nos bairros, nas ruas e até nos prédios. É um caminho para a gente interagir mais com seres humanos e não apenas com máquinas”, diz a profissional.

A matéria revela ainda que, em breve, o conceito de luxo deixará de ser medido por bens materiais. Segundo especialistas, uma vida luxuosa precisará ter mais tranquilidade, tempo livre, momentos de silêncio, privacidade e autenticidade. Confira os detalhes na próxima edição da revista Casa Vogue, que chega àsbancas na primeira semana de março.

Sobre a Casa Vogue

Casa Vogue é a revista de maior prestígio do Brasil em decoração, design, arquitetura e lifestyle. Autoridade máxima em comportamento e tendências, todos os meses ela encanta e inspira os amantes do bom viver.

Previous post

Radisson Hotel Aracaju terá noite italiana

Next post

Moradora de Arapongas ganha Jeep Compass Sport em sorteio do Catuaí Shopping Londrina

Imprensa

Imprensa