A última Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), no terceiro trimestre de 2021, mostrou que a taxa de desemprego apresentou queda de 1,6% em comparação ao primeiro trimestre. Desde então, com a abertura gradual das atividades, o mercado de trabalho começou uma recuperação, mesmo discreta, no volume de vagas abertas e o setor de segurança está inserido com destaque na segurança, principalmente na área privada.

Impactada positivamente com a retomada de atividades presenciais como shows, eventos públicos e privados, atividades desportivas profissionais, volta às aulas e o próprio comércio, a retomada, e criação de novos empregos tem tendência de alta, como aponta Marcelo Lonzetti, Diretor Comercial e CMO do ztrax.

“Quem estava procurando uma recolocação profissional percebeu no setor de segurança uma grande opção de voltar ao trabalho. O número de profissionais formados nos mais diversos cursos explodiu, detalhe que demonstra o aquecimento do setor. Se tem mais gente entrando é porque tem mais vagas sendo abertas”.

Monitoramento ajuda no trabalho dos novos colaboradores
Os novos candidatos fazem seus cursos de vigilante e aqueles que já atuavam no setor passaram por reciclagem, com aprendizado complementar para atividades como escolta, VSPP e monitoramento. Esses novos conhecimentos acompanharam a evolução tecnológica dos últimos meses, impulsionado pelos desafios da pandemia – e, é por este motivo que o monitoramento dos novos profissionais precisa estar no radar das empresas de vigilância.

As empresas buscam profissionais com conhecimento básico das ferramentas a serem utilizadas em seus clientes, e o monitoramento em tempo real desta atividade ajuda aos gestores de cada equipe de segurança a entender como está este processo de adaptação ao novo trabalho:

“Saber a movimentação de cada vigilante é fundamental para ajustes de posicionamento e rotinas, além de fornecer dados para modificar rondas. Se cada empresa de segurança e monitoramento adotar este sistema com os novos colaboradores, incluindo botão de pânico e bateria de longa duração, não haverá falha de segurança nas rotinas diárias, mas sim, um serviço de excelência entregue para o cliente final” completa Marcelo.

Pnad Contínua, mercado de trabalho, mercado de segurança, mercado de segurança para 2022, trabalhadores, vigilantes, vips, monitoramento, vagas de trabalho para vigilantes, ztrax, botão do pânico, movimentação do vigilante, empresas de segurança, segurança patrimonial

Previous post

Satisfação do consumidor com a compra passa pelo chão de fábrica

Next post

“Eduardo & Mônica”, com Gabriel Leone e Alice Braga, acaba de estrear no cinema do Shopping Estação

Kakoi Comunicação

Kakoi Comunicação

A Kakoi Comunicação é uma empresa nova que nasce com o objetivo de proporcionar aos clientes os melhores resultados com ações simples, porém focadas em nosso compromisso de abranger qualidade X resultado.

Na Kakoi a necessidade do cliente é uma necessidade nossa. Contamos com equipe especializada em diferentes áreas para garantir a pluralidade dos projetos abrangendo a maior frente possível de comunicação.