• ¬Glaucoma é uma doença crônica, sem cura, mas pode ser controlada com diagnóstico precoce. Uma vez instalada, a cegueira por glaucoma não é reversível1. Para 2040, a International Agency for Blindeness Prevention estima em 118 milhões de pessoas impactadas em todo o mundo1

• Abra os Olhos para o Glaucoma têm apoio da SBG – Sociedade Brasileira de Glaucoma e Allergan, uma empresa AbbVie.

Com o objetivo de alertar a população sobre os sintomas e sinais do glaucoma, a SBG apoia a campanha ABRA OS OLHOS PARA O GLAUCOMA, doença ocular de progressão lenta e que é uma das três principais causas de cegueira no mundo. Abra os Olhos para o Glaucoma acontece a partir de maio – mês que marca o Dia Nacional de Combate ao Glaucoma2. Segundo o Atlas Vision, apresentado pela IABP – International Agency of Blindeness Prevention, estima-se que o glaucoma esteja presente em pleno menos 3 milhões de pessoas cegas no mundo e em cerca de outros 4 milhões com perda moderada a grave de visão1. No Brasil, o Ministério da Saúde calcula “mais de 900 mil pessoas afetadas pelo glaucoma” 2.

“Como o Glaucoma, na maioria de suas formas, não apresenta sintomas em estágios iniciais, geralmente, as pessoas somente procuram tratamento quando já há perda de visão. Isso pode significar que o número de pessoas com glaucoma é muito maior do que aqueles já com perda de visão estabelecida”, afirma Dr Emilio Suzuki, oftalmologista e vice presidente da SBG. “Por isso, a campanha é importante – lembra da necessidade de consultas periódicas – pelo menos anual para quem tem acima de 40 anos – e uma vez diagnosticado o glaucoma, reforça a necessidade da adesão do paciente ao tratamento, que pode retardar a progressão da doença”.

Ainda segundo estimativas do Atlas Vision, o número de pessoas impactadas pelo glaucoma (leve a grave; com ou sem diagnóstico) pode chegar a 118 milhões em 20401.

Conhecimento do brasileiro sobre Saúde Ocular e Glaucoma – Pesquisa encomendada ao Instituto Datafolha pela Allergan/AbbVie em 2021 apontou que mais da metade com 16+ anos tem alguma dificuldade para enxergar, mas 3 em cada 10 brasileiros não tem o hábito de ir ao oftalmologista, ou não lembra da última vez que fez uma consulta com o especialista. A dificuldade de enxergar é maior entre mulheres (62% do total) e pessoas acima de 45 anos ou mais.

O Glaucoma é conhecido por cerca de 74% dos entrevistados, mas apenas menos da metade afirma saber que a doença pode levar à cegueira. “A diferença entre o conhecimento sobre glaucoma como doença ocular e o risco de cegueira pode ser explicado pelo caráter silencioso, que dificulta o diagnóstico precoce”, avalia Dr Emilio Suzuki, o oftalmologista e vice-presidente da SBG.

O que é glaucoma?1,4 Glaucoma é uma condição ocular que acomete o nervo óptico, cuja saúde e integridade são vitais para uma boa visão. A deterioração do nervo óptico leva à perda progressiva da visão. O efeito é gradual – muitas vezes, progride por anos. Começa da periferia para o centro do olho e a pessoa pode não perceber a alteração na visão, até que a doença esteja em estágio avançado. É irreversível porque a visão perdida não é recuperada, porém, é evitável porque o diagnóstico precoce pode prevenir a perda da visão, mantendo a qualidade de vida destes pacientes1,4 Sabe-se que o dano no nervo ótico pode estar relacionado ao aumento da pressão intraocular (dentro do olho) – mas, nem todas as pessoas com pressão intraocular elevada terão glaucoma4.

Sinais e sintomas4 – Geralmente, as pessoas com Glaucoma percebem a doença quando a falta de visão atinge o foco central. Outros sinais:
• Pontos cegos na visão lateral ou central
• Dor ocular
• Náuseas – em casos de crise aguda
• Glaucoma de ângulo fechado:
• Visão borrada
• Halos ao redor de luzes
• Olhos vermelhos (entre outros).

Maior risco4 – Hereditariedade, pessoas com pressão intraocular aumentada, 60 anos ou mais, determinadas doenças pré-existentes (como diabetes), determinadas etnias (afrodescendentes, hispânicos, asiáticos) anemia falciforme, miopia ou hipermetropia exacerbadas têm maior risco de adquirir a doença – condições que podem ser diagnosticadas em exames específicos.

Para pessoas já com diagnóstico de glaucoma, a SBG recomenda exames periódicos e adesão ao tratamento prescrito, que pode controlar a progressão da doença.

Para mais informação sobre a campanha Abra os Olhos para o Glaucoma e outras condições de saúde ocular, www.visaoemdia.com.br

Sobre a SBG
A Sociedade Brasileira de Glaucoma foi fundada em 1981 pela iniciativa de um grupo de oftalmologistas que decidiu organizar uma entidade com o objetivo principal difundir informações atualizadas a respeito da doença. É afiliada ao CBO – Conselho Brasileiro de Oftalmologia e a World Glaucoma Organization. Para mais informação, www.sbglaucoma.org.br

Sobre a AbbVie
A missão da AbbVie é descobrir e fornecer medicamentos inovadores que solucionem as questões mais sérias de saúde de hoje e enfrentem os desafios médicos de amanhã. Nós nos empenhamos em causar um impacto notável na vida das pessoas em várias áreas terapêuticas: Imunologia, Oncologia, Neurociência, Oftalmologia, Virologia, Saúde da Mulher e Gastrenterologia, além dos serviços e produtos da Allergan Aesthetics. Para mais informações, www.abbvie.com Siga @abbvie no Twitter, Facebook, Instagram, YouTube e LinkedIn.

No Brasil, a AbbVie começou a operar no início de 2014. Suas unidades de negócios locais incluem Imunologia, Oncologia, Oftalmologia, além dos serviços e produtos da Allergan Aesthetics. A AbbVie conduz mais de 64 estudos clínicos em Imunologia, Oncologia e Virologia, envolvendo mais de 800 pacientes brasileiros e 200 equipes e centros de pesquisa em todo o país. Saiba mais em www.abbvie.com.br

Referências:

  1. https://www.iapb.org/learn/knowledge-hub/eye-conditions/glaucoma/
  2. https://bvsms.saude.gov.br/26-5-dia-nacional-de-combate-ao-glaucoma/
  3. https://www.gov.br/saude/pt-br/assuntos/noticias/glaucoma-diagnostico-precoce-e-tratamento-evitam-perda-da-visao
  4. https://www.mayoclinic.org/diseases-conditions/glaucoma/symptoms-causes/
Previous post

BMC Entrega Inovações para Aumento Drástico de Frequência de Implementação e Produtividade de Desenvolvedores de Mainframes

Next post

Miramar traz inovação ao conceito de barraca de praia

SPMJ Comunicação

SPMJ Comunicação

Especializados em mídia a SPMJ Comunicação é uma agência dinâmica, habilitada para diversos serviços de comunicação empresarial. Criada em 1986, a SPMJ nasce na efervescência de um novo contexto global: tecnologias midiáticas inovadoras começavam a surgir, a comunicação digital posicionava-se para derrubar as velhas fronteiras, prestes a tornar o movimento virtual o ritmo do cotidiano.

Durante esses 28 anos de história, nos quais novos modelos informacionais nunca cessaram de aparecer, a SPMJ acumulou experiência para transformar-se em guia privilegiado - e personalizado - no preparo de empresas, entidades e movimentos às especificidades dos novos tempos.

Em parceria com grandes agências espalhadas por todos os continentes, atendemos países e corporações de renome mundial nas áreas de aviação, tecnologia, indústria naval e petrolífera, ciência e saúde, educação, cultura e entretenimento, turismo, comportamento, consumo e finanças. A diversidade de segmentos compreendidos em nosso escopo de atuação não apenas atesta o caráter singular da empresa, como, também, demonstra preparo e estímulo para sempre aceitar novos desafios. Para onde o futuro apontar, a SPMJ Comunicação seguirá o mesmo caminho.