03 jun 2015

60% dos empregos formais são de empresas familiares

Se você acha que apenas os fundadores, sócios familiares e herdeiros das empresas familiares ganham com esta modalidade de gestão, saiba que o número de pessoas que ganham a vida diretamente com elas já atinge 60% dos empregos formais no Brasil. Se mais da metade destes empregos formais estão em empresas familiares, já dá para imaginar qual é o peso da responsabilidade dessas empresas familiares na economia brasileira. Eduardo Valério,  diretor-presidente da JValério, empresa associada à Fundação Dom Cabral, afirma que o Brasil já se destaca neste cenário empresarial e que a cultura da empresa familiar está cada vez mais presente: “A economia do Brasil se destaca no que diz

0
01 jun 2015

Grafologia é importante ferramenta em processos de recrutamento e seleção de pessoas

Com assertividade de cerca de 85% esta ciência reduz custos das empresas com diminuição de turnover e seleção do candidato correto para a vaga      A Grafologia é uma ciência que estuda profundamente a personalidade por intermédio de todo gesto gráfico, em especial a escrita.   As letras das pessoas são como se fossem suas digitais, já que  não há uma pessoa no mundo que tenha a letra igual a outra. Elas podem até serem parecidas, mas nunca serão idênticas.   Segundo Letícia Radaic, grafóloga e coach, “o que deixamos em um papel quando escrevemos um texto, é o resultado dos mecanismos de conexões originadas no cérebro no qual

0
01 jun 2015

Aprender um novo idioma é essencial para vida pessoal e profissional

Além de ter mais liberdade para viajar e se comunicar, segundo pesquisa da da Catho, a diferença salarial para quem fala inglês pode chegar a 64% para cargos de supervisão. Que falar um segundo idioma é um diferencial na hora de concorrer a uma vaga de trabalho já está mais que provado, mas muitas pessoas ainda não falam uma segunda língua fluentemente.   A necessidade de se falar mais de um idioma atinge desde setores que desenvolvem produtos e precisam vendê-los no exterior, até turistas desejosos de um bom atendimento no local que visitam. Especialistas observam que a relação do Brasil com outros países está crescendo, e que a necessidade

0
13 maio 2015

O peso e a responsabilidade da segunda geração nas empresas familiares

A responsabilidade é grande! A segunda geração é a que mais chama a atenção pois é ela quem vai dar os primeiros passos logo após a primeira troca de comando oficial. Claro que não basta apenas assumir o cargo e começar a gerir os negócios da família – é preciso dedicação, preparo e faro para os negócios. E tudo isso é fruto de muita preparação cantes de passar o bastão. Eduardo Valério, diretor-presidente da JValério, associada à Fundação Dom Cabral, explica que a principal característica da segunda geração é a de manter o padrão. “Especificamente a segunda geração tem a responsabilidade de suceder o fundador, está é a transição mais

0
29 abr 2015

A importância da ética nas empresas familiares

A ética é, sem dúvida alguma, um dos temas mais discutido ultimamente. São tantas empresas particulares denunciadas por corrupção com órgãos e empresas governamentais, em todos os níveis, que o assunto merece uma revisão. Nas empresas familiares, a ética é praticamente a base de tudo, já que ela parte dos próprios fundadores até que se oficialize em todos os níveis da corporação. Eduardo Valério,  diretor-presidente da JValério, empresa associada à Fundação Dom Cabral, explica que a ética, na maioria das vezes, vem pelo exemplo. “O ‘tom’ das boas práticas é dado pelo proprietário da empresa. De nada adianta uma empresa desenvolver o seu código de ética e princípios se a

0
29 abr 2015

Economista Oswaldo Oliveira apresenta, pela primeira vez em Florianópolis, o  Workshop Empreender$e em rede  

  Redes cooperativas serão discutidas em dois dias de treinamento. Palestra gratuita também faz parte da programação. Foi-se o tempo em que empreender era sinônimo de “empresariar”. Nos dias de hoje, a atividade requer cada vez mais múltiplos conhecimentos absorvidos por nossas infinitas conexões.  Pensando nisso, e com foco no público que anseia por mais e mais conteúdo, é que o economista, pioneiro em temas como rede colaborativa, Oswaldo Oliveira, desenvolveu o EMpREenDEr$E, um conjunto de atividades criadas para desenvolver a capacidade de empreender-se em rede, que terá workshop inédito em Florianópolis, nos dias 08 e 09 de maio, no Museu Escola Santa Catarina (MESC), no centro da capital. Neste cenário, o empreender

0
22 abr 2015

Metas familiares X Metas das Empresas Familiares

Tudo na vida é regido por metas. Sem um norte definido não se sai do lugar – ou melhor, até consegue sair, mas dificilmente se chega ao destino final. Meta é algo que se deseja alcançar e envolve planejamento, sonhos, trabalho, sacrifícios, etc. Quase sempre, as metas tem uma origem particular e é aí que tudo precisa estar bem definido – ainda mais para as empresas familiares. Eduardo Valério, diretor-presidente da JValério, empresa associada à Fundação Dom Cabral, explica que este tema envolvendo metas das empresas familiares, metas familiares e necessidades empresariais é relativamente novo por dois motivos: .: pela falta de um planejamento estratégico empresarial formal e estruturado e

0
17 abr 2015

Mudando a gestão da empresa familiar para “mista” sem sustos

Quando uma empresa muda a função de um colaborador é sinal de mudanças no cotidiano. A rotina precisa ser adaptada, talvez um novo colaborador precise ser contratado, outros remanejados e por aí vai. Agora, imagine uma mudança mais ampla que envolva não apenas uma nova função, mas novas práticas de gestão corporativa dentro de uma empresa familiar! Eduardo Valério, diretor-presidente da JValério, empresa associada à Fundação Dom Cabral, aponta que estudos e trabalhos realizados pela JValério identificam que o grande desafio na hora de adotar uma gestão “mista” – onde há membros da família e profissionais de mercado juntos na gestão da empresa – é separar o papel do familiar

0
01 jan 2015

Criando a imagem para sua empresa

Saiba mais sobre a importância de vender uma imagem – além de um produto ou serviço. Pense em uma marca como a Apple. Uma marca excelente e inovadora, que traz consigo um design arrojado e sempre aposta em novidades para o mercado. Disso ninguém duvida. Mas você acha que ela teria todo esse sucesso se vendesse apenas seus produtos, e não um estilo de vida? Eu respondo: não. Uma empresa para ter o sucesso que a Apple tem – ou a Nike, ou a Tommy Hilfinger, ou qualquer outra grande empresa do mundo, – precisa vender não apenas seus serviços e ou produtos, mas também um estilo de vida, uma

0
01 jan 2015

Associativismo via Whatsapp melhora a gestão de pizzarias

Dos 51 milhões de usuários de Smartphones, 70% utiliza o Whatsapp (pesquisa MMA/Nielsen dezembro/2014). O app não só funciona como bate papo entre amigos. O associativismo também está se beneficiando da ferramenta. A Associação Pizzarias Unidas abriu um grupo em maio deste ano, que já possui 51 donos de pizzarias como participantes. São cerca de 350 mensagens por dia, exclusivamente sobre assuntos relacionados ao mercado. “Trocamos informações sobre equipamentos, fornecedores, números de pizzas vendidas, receitas e ideias”, diz Carlos Zoppetti, vice-presidente da associação e moderador do grupo de Whatsapp. “O ganho na velocidade da informação com o Whatsapp foi gigantesco, sem precedentes”.   O grupo já teve discussões variadas:  

0