10 jan 2018

Evento de marketing reúne empresas do multinível e ensina técnicas para se destacar nos negócios em 2018

O marketing de rede surgiu em 1940 nos Estados Unidos e é um fenômeno de tendência mundial. No Brasil, há diversas empresas que utilizam este modelo de negócios. O que antes era visto como uma oportunidade de agregar renda, se tornou uma indústria e movimenta parte da economia nacional, inclusive, com grandes marcas de beleza. A Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD) fez o levantamento sobre a performance do setor durante o primeiro semestre de 2017. De acordo com a entidade, o segmento movimentou R$ 20,9 bilhões no período. Pesquisas do BCG e do Euromonitor mostram que 26% das vendas do setor de beleza são feitas por revendedores

0
31 out 2017

Ignorar reclamações de clientes é mais prejudicial do que você pensa

Não é possível calcular o tamanho do estrago que uma reclamação pode causar em uma empresa. O poder de disseminação que um cliente insatisfeito tem a respeito de um péssimo atendimento é devastador justamente pelo alcance das redes sociais – basta que a reclamação não seja atendida. Muitas vezes a falta de um canal de comunicação adequado é o provocador da  insatisfação do cliente. O péssimo atendimento ou falta de um meio de comunicação apropriado desperta sentimentos negativos do consumidor que se sentiu descartado pela empresa e os prejuízos são percebidos na redução de vendas decorrente do alto número de críticas de terceiros – sim, muitos internautas acabam criticando o

0
18 out 2017

Vert Hotéis lança campanha “Recarregue-se” nas redes sociais

Focando no hóspede de lazer, a rede mineira visa reforçar a ocupação de seus 19 hotéis aos finais de semana e feriados Que tal fugir do caos da rotina no fim de semana? A rotina de quem vive nas grandes metrópoles é bastante intensa. São horas seguidas de trabalho, com pouco espaço para descansar e, muitas vezes, poucas horas de sono. Neste cenário, todas as investidas para gerar bem-estar são válidas – e viajar tem sido uma alternativa crescente no mundo todo. Pensando nisso, a Vert Hotéis, rede mineira já bastante consolidada entre os hóspedes corporativos, lançou uma campanha que busca atender o segmento de lazer. Ciente da tendência cada

0
24 ago 2017

Como usar as redes sociais para ser referência no seu setor

Facebook, Twitter, LinkedIn, Instagram… a lista de redes sociais é ampla e a escolha da rede ideal pode ser determinante para alavancar o seu negócio. Mas ter relevância nas redes sociais requer planejamento, dedicação e muito conhecimento sobre você mesmo e o seu público. Para a social media da KAKOI Comunicação, Juliana Antunes, o primeiro passo para que um profissional seja referência em sua área – pelo menos nas redes sociais – é estar nelas oferecendo conteúdos relevantes, ser antenado ao que está acontecendo no mercado de atuação ou no mundo e ser pioneiro na sua atividade: “É interessante promover debates saudáveis, interagir com o público, estar disponível e entregar

0
28 jul 2017

Fizemos uma matéria sobre Clickbait e o resultado é surpreendente!  

Aposto que você está lendo esta matéria curioso pelo título, acertei? A frase impactou tanto a sua atenção que você se viu “obrigado” a clicar só para ver o que é surpreendente! Pois é, isto é Clickbait! Estamos falando de uma estratégia de marketing digital que assombra o mundo há algum tempo, ainda mais nas redes sociais. Consiste em chamar a atenção do maior número possível de internautas através de uma frase de efeito aliada com uma imagem emblemática – exatamente como fizemos agora! Esta frase pode estar no título ou subtítulo, mas ela precisa pescar a audiência apresentando parcialmente algum conteúdo de forma apelativa. Para os negócios, esta prática

0
21 jan 2016

Profissionais de TI também precisam se “policiar” nas redes sociais

Por mais que alguns profissionais de Tecnologia da Informação tenham uma agenda de trabalho mais light, é preciso tomar alguns cuidados nas redes sociais também. Mesmo em um setor mais livre dos horários, com jobs e projetos independentes, as postagens pessoais podem impactar profissionalmente sim. Rafaela Vita, coordenadora técnica da Klasse! Tech Talents, unidade focada em recrutamento e seleção na área de tecnologia, diz que o “bom comportamento” nas redes sociais não é necessariamente um requisito que os entrevistadores e as empresas analisam, mas todo cuidado vale a pena. “É preciso deixar bem claro que não é uma coisa excludente. Não se pode excluir um profissional pela rede social que

0
28 set 2015

O chefe pode controlar o seu computador e monitorar suas redes sociais?

Recentemente a KAKOI Comunicação falou sobre controle das redes sociais de funcionários e por isso voltamos ao tema que está tão em moda ultimamente. Desta vez vamos focar o uso de computadores da empresa (a rede interna) e o uso da internet e das redes sociais fora do horário de trabalho. Seja você  é empregador ou colaborador, seguem dicas valiosas para evitar problemas laborais e até mesmo jurídicos na sua carreira. Uso de computador da empresa É bem comum que o colaborador precise estar usando todo o equipamento e a rede da empresa onde trabalha, mas o uso interno desta estrutura não pertence ao empregado, e sim é propriedade da

0