11 maio 2018

10 dicas de ouro para quem busca boas práticas nas redes sociais

Algumas boas práticas de Redes Sociais podem de fato garantir o seu sucesso profissional e também pessoal. Mas não se engane: ao mesmo tempo que o seu perfil pode alavancar a sua carreira, o que você faz neste universo pode se tornar uma armadilha cruel e derrubar qualquer chance de se dar bem. “Não há como frear a evolução das redes sociais. A cada dia, mais e mais pessoas entram nelas, seja Facebook, Instagram ou LinkedIn, dependendo do perfil de cada pessoa. Isso significa que cada pessoa precisa demandar mais cuidados com cada um dos processos dentro de cada rede. Claro que nem sempre um profissional sabe exatamente o que

0
23 mar 2018

Quer fazer negócios pelas redes sociais? Use e abuse do Instagram  

A grande febre do momento em termos de redes sociais não é nenhuma novidade mas está com tudo. O instagram gera muita interação e o volume de consumidores em potencial cresce a cada dia que passa. O Brasil, por exemplo, é o segundo país com maior número de seguidores perdendo apenas para os Estados Unidos – e este volume de pessoas possui um comportamento bem característico: – Mais de 50% dos seguidores da rede social no Brasil seguem alguma página institucional ou de empresa – 60% destes seguidores acabam conhecendo algum produto ou serviço através das publicações do Insta – Cerca de  75% das pessoas reagem na hora às publicações.

0
20 mar 2018

Sim, as Redes Sociais podem interferir na sua contratação!  

Tudo o que é postado nas redes sociais pode ser analisado como algo positivo ou negativo – extraoficialmente – por parte das empresas e, é melhor que o candidato à uma vaga de emprego tome certos cuidados com o que se posta nas redes! Mas vamos com calma! Antes de mais nada é importante deixar bem claro que os recrutadores e gestores de recursos humanos não analisam postagens e Likes do Face para a contratação. Quem pode atrapalhar é a opinião final de outra pessoa: o gestor da empresa contratante! É por isso que a Master Coach, Bianca Caselato, alerta que uma imagem postada em uma rede social pode ser

0
10 jan 2018

Evento de marketing reúne empresas do multinível e ensina técnicas para se destacar nos negócios em 2018

O marketing de rede surgiu em 1940 nos Estados Unidos e é um fenômeno de tendência mundial. No Brasil, há diversas empresas que utilizam este modelo de negócios. O que antes era visto como uma oportunidade de agregar renda, se tornou uma indústria e movimenta parte da economia nacional, inclusive, com grandes marcas de beleza. A Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD) fez o levantamento sobre a performance do setor durante o primeiro semestre de 2017. De acordo com a entidade, o segmento movimentou R$ 20,9 bilhões no período. Pesquisas do BCG e do Euromonitor mostram que 26% das vendas do setor de beleza são feitas por revendedores

0
31 out 2017

Ignorar reclamações de clientes é mais prejudicial do que você pensa

Não é possível calcular o tamanho do estrago que uma reclamação pode causar em uma empresa. O poder de disseminação que um cliente insatisfeito tem a respeito de um péssimo atendimento é devastador justamente pelo alcance das redes sociais – basta que a reclamação não seja atendida. Muitas vezes a falta de um canal de comunicação adequado é o provocador da  insatisfação do cliente. O péssimo atendimento ou falta de um meio de comunicação apropriado desperta sentimentos negativos do consumidor que se sentiu descartado pela empresa e os prejuízos são percebidos na redução de vendas decorrente do alto número de críticas de terceiros – sim, muitos internautas acabam criticando o

0
18 out 2017

Vert Hotéis lança campanha “Recarregue-se” nas redes sociais

Focando no hóspede de lazer, a rede mineira visa reforçar a ocupação de seus 19 hotéis aos finais de semana e feriados Que tal fugir do caos da rotina no fim de semana? A rotina de quem vive nas grandes metrópoles é bastante intensa. São horas seguidas de trabalho, com pouco espaço para descansar e, muitas vezes, poucas horas de sono. Neste cenário, todas as investidas para gerar bem-estar são válidas – e viajar tem sido uma alternativa crescente no mundo todo. Pensando nisso, a Vert Hotéis, rede mineira já bastante consolidada entre os hóspedes corporativos, lançou uma campanha que busca atender o segmento de lazer. Ciente da tendência cada

0
24 ago 2017

Como usar as redes sociais para ser referência no seu setor

Facebook, Twitter, LinkedIn, Instagram… a lista de redes sociais é ampla e a escolha da rede ideal pode ser determinante para alavancar o seu negócio. Mas ter relevância nas redes sociais requer planejamento, dedicação e muito conhecimento sobre você mesmo e o seu público. Para a social media da KAKOI Comunicação, Juliana Antunes, o primeiro passo para que um profissional seja referência em sua área – pelo menos nas redes sociais – é estar nelas oferecendo conteúdos relevantes, ser antenado ao que está acontecendo no mercado de atuação ou no mundo e ser pioneiro na sua atividade: “É interessante promover debates saudáveis, interagir com o público, estar disponível e entregar

0
28 jul 2017

Fizemos uma matéria sobre Clickbait e o resultado é surpreendente!  

Aposto que você está lendo esta matéria curioso pelo título, acertei? A frase impactou tanto a sua atenção que você se viu “obrigado” a clicar só para ver o que é surpreendente! Pois é, isto é Clickbait! Estamos falando de uma estratégia de marketing digital que assombra o mundo há algum tempo, ainda mais nas redes sociais. Consiste em chamar a atenção do maior número possível de internautas através de uma frase de efeito aliada com uma imagem emblemática – exatamente como fizemos agora! Esta frase pode estar no título ou subtítulo, mas ela precisa pescar a audiência apresentando parcialmente algum conteúdo de forma apelativa. Para os negócios, esta prática

0
21 jan 2016

Profissionais de TI também precisam se “policiar” nas redes sociais

Por mais que alguns profissionais de Tecnologia da Informação tenham uma agenda de trabalho mais light, é preciso tomar alguns cuidados nas redes sociais também. Mesmo em um setor mais livre dos horários, com jobs e projetos independentes, as postagens pessoais podem impactar profissionalmente sim. Rafaela Vita, coordenadora técnica da Klasse! Tech Talents, unidade focada em recrutamento e seleção na área de tecnologia, diz que o “bom comportamento” nas redes sociais não é necessariamente um requisito que os entrevistadores e as empresas analisam, mas todo cuidado vale a pena. “É preciso deixar bem claro que não é uma coisa excludente. Não se pode excluir um profissional pela rede social que

0
28 set 2015

O chefe pode controlar o seu computador e monitorar suas redes sociais?

Recentemente a KAKOI Comunicação falou sobre controle das redes sociais de funcionários e por isso voltamos ao tema que está tão em moda ultimamente. Desta vez vamos focar o uso de computadores da empresa (a rede interna) e o uso da internet e das redes sociais fora do horário de trabalho. Seja você  é empregador ou colaborador, seguem dicas valiosas para evitar problemas laborais e até mesmo jurídicos na sua carreira. Uso de computador da empresa É bem comum que o colaborador precise estar usando todo o equipamento e a rede da empresa onde trabalha, mas o uso interno desta estrutura não pertence ao empregado, e sim é propriedade da

0